4 desculpas que você usa para não organizar suas finanças e como superá-las

Administrar bem orçamento é a melhor ferramenta que você pode ter para assumir o controle de seu dinheiro, atingir seus objetivos de vida e se preparar para alcançar a liberdade financeira. No entanto, nem todo mundo se propõe a fazer e vive dia após dia só lamuriando que tudo é difícil.

Se você está tendo problemas para conseguir gerenciar seu orçamento, pense nisso como um plano de dieta. Pessoas fazem dietas só quando a situação aperta. A reeducação alimentar é muito mais importante e saudável do que uma dieta. Com o dinheiro não é diferente. Você aperta o cinto do seu orçamento só quando a situação já está saindo do controle? Então, por que você não usa uma ferramenta de controle orçamento prática para cortar seus gastos com sucesso, alcançar um objetivo de longo prazo ou pagar suas dívidas?

Abaixo estão cinco desculpas que as pessoas geralmente usam para não fazer um orçamento financeiro pessoal e como superá-las.

Desculpa 1 – Demora muito tempo fazer um orçamento financeiro

Uma das queixas mais comuns sobre orçamento é que leva muito tempo.

E é justo. Sentar e detalhar o orçamento é apenas o primeiro passo no orçamento. Acompanhar seus gastos, fazer revisões mensais e definir onde os gastos serão cortados leva tempo. Pode ser demorado montar um orçamento se você não sabe o passo a passo, mas com orientação, você verá que não precisa demorar e não é difícil. Se precisar de uma ajuda, me mande uma mensagem.

Nas primeiras vezes pode consumir mais tempo pois você partirá do zero, mas depois de praticar um pouco e com o passar dos meses, você não vai levar mais que uma hora por mês para montar e gerir seu orçamento mensal.

Além de ser possível controlar o orçamento pelo celular ou computador, ter uma agenda pode ajudar.

Se você nem sabe por onde começar, clique aqui e peça uma planilha de controle dos gastos para o ano todo. 

Desculpa 2 - Eu não tenho dinheiro suficiente para planejar um orçamento financeiro

Outra razão comum para as pessoas não fazerem orçamentos é porque elas se sentem muito fracas em relação ao orçamento. Pode ser assustador anotar todo o dinheiro que você gasta todo mês e perceber que você tem uma renda baixa para cobrir todas as despesas.

Muitas pessoas deixam de fazer um orçamento e simplesmente esperam que as coisas funcionem magicamente. Se você está nessa situação, é essencial ter um planejamento financeiro para que você possa fazer as melhores escolhas para o seu dinheiro. Um orçamento também pode ajudá-lo a ver as áreas que você pode reduzir gastos e fazer escolhas para mudar sua situação.

Desculpa 3 - Meu cônjuge não participa do orçamento

Se você é casado ou tem um relacionamento estável, pode ser difícil planejar um orçamento quando seu parceiro não colabora.

Mas há uma solução alternativa para esse problema. Você precisa apenas combinar as despesas domésticas e criar um orçamento familiar que determina com quanto cada parceiro irá contribuir mensalmente. Alguns casais determinam esse valor com base em uma porcentagem de suas respectivas rendas, outros simplesmente o dividem, 50-50. Além do orçamento familiar, você ainda pode manter um orçamento pessoal e trabalhar para atingir suas metas financeiras, como investir ou economizar para a aposentadoria.


DESCUBRA COMO APROVEITAR AS OPORTUNIDADES MESMO EM TEMPOS DIFÍCEIS E TRANSFORME A CRISE EM OPORTUNIDADE PARA LUCRAR COM ESTAS 9 DICAS!

Desculpa 4 - Orçamentos me fazem sentir mal

Outra razão pela qual as pessoas evitam o orçamento pessoal ou familiar, é a maneira como isso as faz sentir. Orçamentos e planilhas financeiras podem provocar sentimentos de privação e sensação de não estar conseguindo o que você quer, o que pode ser difícil.

Há outros sentimentos que também dificultam o orçamento. Algumas pessoas gostam da sensação de bem-estar que vem das compras. Se este for o seu caso, talvez seja necessário pedir ajuda de um profissional para criar estratégias para lidar com o excesso de gastos. Outras pessoas sentem-se frustradas porque o orçamento não funciona no primeiro ou segundo mês e depois desistem.

Nesse caso, é importante lembrar que o orçamento não é fácil e, com certeza, leva algum tempo para se acostumar. Não desista ou desanime, continue tentando e ajustando e, como qualquer outro hábito, logo ficará fácil. Basta ter constância e persistência que ele logo logo vai entrar quase no automático.

E saiba, o quanto antes você começar organizar suas finanças, mais rápido poderá sentir a ótima sensação de estar no controle da sua vida. E a cada objetivo conquistado, mais fácil de ver que é possível viver a liberdade financeira tão desejada.

Desculpa bônus: Não tenho tempo para ler o e-book Seu Comportamento Financeiro 

As pessoas que vivem dando desculpas dizendo que não tem tempo para ler, acham que ler precisa parar horas e horas para fazer isso.

Nos dias de hoje, o tempo realmente é uma coisa muito preciosa. Por isso, para aproveitar bem o tempo, você pode ler um capítulo de um livro enquanto está esperando um atendimento ou o filho sair da escola. O que importa é se manter sempre aproveitando os fragmentos de tempo espalhados pelo dia.

Então por que não comprar um livro ou fazer um curso que ajude a expandir a mente, conhecer um novo ponto de vista e ainda ajuda a mudar as perspectivas de vida para melhor. Portanto, por que não investir uma única vez no seu futuro financeiro?

O e-book Seu Comportamento Financeiro dá acesso a muito mais que o próprio E-book.

Além de receber o E-book para ler pelo celular, tablet ou computador, você receberá inteiramente grátis o livro físico no conforto do seu lar para ler na rede ou no sofá. E não é só isso. Além do livro, ainda vai ganhar o curso online Finança Fácil - Mentalidade Financeira inteiramente grátis, para entender as finanças de um jeito diferente.

Clique aqui e aproveite a oferta para receber todos os benefícios deste Bônus incrível.

Compartilhe com seus amigos
Click Here to Leave a Comment Below 0 comments